Diário de Paris... Streetstyle, Lou Reed... Repetto, Alexander Wang, Dress Down...



Como eu sempre faço com minhas fotos e pesquisas deixo-as dormindo um tempo. Aprendi anos atrás com Luis Fernando Veríssimo que devemos deixar os textos descansarem. Penso que as fotos também. É tão bom abrir os arquivos de imagens feitas no calor das emoções de exaustivas semanas de moda, um certo tempo depois que elas já não estão mais pipocando nas redes sociais. É sempre uma nova descoberta. Muitas imagens, no momento em que foram clicadas, me chegaram ao acaso. Nem me lembro se as fiz. É muito doido esse processo criativo de um fotógrafo intuitivo como eu. Na moda e na vida eu também levo tudo assim. Não sou didática, minha intuição me leva ao raciocínio que é óbvio. 

 Os dias em Paris tem sido incertos. Uns com chuva e outros com sol intenso. Não tive ainda o pique de descobrir em que parte da cidade vou achar algo realmente inspirador para uma bateria de fotos que tragam o novo das ruas reais, então vamos aos arquivos da Paris Fashion Week. Se a moda anda cansativa, sempre tem uma faísca nova.  Algo fresh e belo. E esse pode de ser o começo de uma nova fase ( aqui ela já existe). Para mim funciona assim. Ando com muita vontade de roupas confortáveis, mas isso não quer dizer que não sejam femininas. Ando com vontade de ser feminina. De andar de maiô com calça jeans e salto alto e apenas um quimono para me cobrir. Ando com paixão por roupa de ginástica. Nas lojas, a coleção de Alexander Wang para H & M mostra exatamente esse momento. 

E também é hora do dress down. Vamos nos despir de exageros e andar mais confortáveis. É o life style das grandes cidades que anuncia a necessidade. Salto alto como o da foto acima,é lindo, mas não funciona, apenas para momentos que não temos horas de locomoção. Senão é mico certo. O caminhar fica péssimo e a sedução e a feminilidade vão ralo abaixo. As parisienses não andam de sapatilhas porque amam, necessitam delas! Agora surgem as novas Repettos. Todas de bico fino. Anota aí a novidade. É QUENTE. 

Mas a saia longa da foto com o salto alto é ok. A silhueta em perfeita harmonia para o andar e o pull de malha apontam para um casamento bom. A seda com o tricô. Vale para o verão e inverno. Claro que aqui estou do outro lado do relógio de vocês. Eu ponho e vocês tiram. Mas rola aproveitar a ideia com uma malha cavada e manter a saia. Bom domingo. Essa semana estreia minha em casa nova. Vou postar aqui minha entrada no Caderno Donna da Zero Hora. Vai seu on-line. Todo mundo que curte, pode ler. 

Sons para amar:












Bisous
A+

Um comentário:

Analize Monteiro disse...

Quero nossas Repettos de bico fino!!!!!! Xoxoxoxo

LinkWithin

Posts relacionados