Inspiração 2014...


Para quem chega agora explico. Esse espaço foi durante anos dedicado a Moda Paris. Dois ou três meses atrás, resolvi virar a página. Entrei num período sabático. Queria sair do claustro da moda e começar novas postagens. O site com meu nome apenas e minhas inúmeras vontades de falar sobre outras paixões que não apenas a moda.  Agora sem estar presa ao Moda Paris inauguro uma nova fase. Claro que vai ter muito Paris, pois é lá que passo grande parte do meu tempo. Mas vejo outras modas que não aquelas das vitrines e dos desfiles. Agora sou eu em diversas direções. Por detrás de grades de lugares incríveis da Itália, por caminhos no Brasil, por onde eu for. A ideia de recomeçar a postar no mesmo endereço é apenas para facilitar quem, ao longo desses anos, tem estado a meu lado. É só clicar anaclara.com.br e pronto, meu site continua aqui. Queria algo mais simples, com foco no conteúdo. Obrigada Clarice Cassou, querida designer gráfica que cuida de mim desde muito tempo e que se prontificou da Itália a fazer esse recomeço exatamente como eu queria. Aqui vai ter moda, arte, fotografia. E muita inspiração. Streetstyle real e das portas dos desfiles. Aqui vou dividir com vocês minhas mais profundas buscas por respostas que nem mesmo vamos chegar a encontrá-las, pois iremos entrar em outras questões. Meio bagunçado mesmo. Para aguçar. Vamos nessa?


A moda de 2014 tem uma característica forte que é o reforço do streetwear. Claro que andamos em busca de beleza, mas ela aparece de maneira simples e sensata. Cansa o caricato.


 Entra o mais orgânico. A roupa que funciona e te cai bem.


E muitas tees. É a época para elas. Até a Couture se rendeu. Giambattista Valli põe força no modismo mas, na verdade, um certo tempo atrás, Galliano já havia feito para Dior. E Chanel, desde seu começo, mais de um século, colocou as malhas ao nosso dispor para nunca mais nos separarmos delas. Escolhas. Nos homens sempre perfeitas. E na gente também. 


E vive-se nas ruas reais ( aqui um snap-shot em Bergamo, cidade vizinha a Milão) um momento que não chega a ser um 70 renovado, mas algumas referências que lembram aquela época. Ah! E o triunfo absoluto da All Star. 





Não que se não se use outras marcas, mas quando você quer algo que te dê uma aparência menos vítima da moda e mais consciente ( se é que funciona consciência para quem gosta do babado), vai com eles. Ou com algum modelo vintage de uma marca que você seja fiel. Boa palavra para definir e alinhar seu mood: fidelidade. 





Naturalidade nos cabelos para estampar no rosto um óculos espelhado. Eles vencem e são uma febre absoluta. Das crianças aos gondoleiros de Veneza.

Aliás, eles mantém a fama de serem lindos e sedutores. As listras, o chapéu, o look inteiro é para copiar e não ter medo de erro. São clássicos que não vão se perder. Volta a palavra fidelidade. 




INSPIRAÇÕES Fotográficas...





As bikes italianas...




As gôndolas venezianas e todo o mistério que elas carregam.


A trilha não me deixa nunca. 



Bem, aqui vai funcionar assim. 
No Insta me segue direto.
@anagarmendia
Gros bisous mes amours


3 comentários:

Sheila Dureles disse...

Querida Ana, que bom que voltou. Estava sentindo falta.
Adorei as fotos e acho que seu novo ritmo será maravilhoso de se absorver.
Um beijão.

Ana Laura disse...

Adorei Ana! Que você continue nos trazendo seu olhar aguçado e apurado sempre temperado com sua sinceridade, que devo confessar que me encanta. Bjs

Rosangela Mira .Kinha disse...

Olá Ana

Fiquei muito feliz quando vi a atualiza do blog em meu blogroll. Eu também estou pensando em mudar o foco do meu blog de moda para viagens. Welcome back.

AMIGA DA MODA by Kinha

LinkWithin

Posts relacionados