Review street style: Summer 2013

Best moments...


The blue, the white and the platinum shoes... 

                                                                 The rose



                                                            And the mens…





Minha vontade é de falar muito sobre 2013. Foi um ano onde os estilos se propagaram e a gente teve que se bater vendo o que acontecia no off cat walk para poder entender o que iria rolar nas passarelas. E ficou assim. Cada um viveu o personagem que quis, mas os egos se acalmaram e as roupas e acessórios ganharam mais elegância. DESTAQUES? O AZUL, A ARTE, O CLASSICISMO, OS MANCHADOS, AS PEDRARIAS, O TUDO E O NADA. 

2013 foi um ano onde os cabelos encurtaram, as saias alongaram e as blusas se cortaram. O cropped vendeu, venceu e convenceu. Voltaram as calças baggys ( e eu enlouquecida pelo meu modelo de couro) e as minissaias não saíram de combate nas mulheres de pernas muito finas e estilo la parisienne. 

Tivemos uma espécia de Vale-tudo mesmo. Dos sneakers, a praga fashio,  aos trainers, não deixamos de usar nossos sapatos sportswear. Nada que tenha eliminado qualquer tipo de salto. Fomos dos arquitetônicos da Dior, passamos pelos insisistentes Louboutins, encaramos as plataformas da Charlotte Olympya ( creio que uma das mais copiadas do ano) e acabamos caídas de amor pela coleção da Prada e Miu Miu, porque sim, eles funcionam para quem vai para o batente e ama sapatos de label.

Ufa, madrugada e eu aqui repassando tudo, com muitos desafios. Comprar uma lente nova para mudar a minha foto, fazer filmes e ainda escrever bem mais do que escrevi em 2013. Por motivos pessoais, me faltaram palavras. Muitas veses fiquei  quieta. Estava em processo de perda familiar. Algo que, mesmo que não nos deixe parar,  nos tira a vontade, a força de se manifestar. Mas eu fecho o ano com meus Retratos lançados e agora é fazer um novo capítulo da minha história com a moda. O site vai para seu oitavo ano. Nossas blogagens com notícias e textos autorais foram massacradas por blogues comerciais que vendem produtos e moda pasteurizada. Enfim, a crise passou e o mundo se dividiu entre a inteligentzia e o comercial. Comme de habitude. Voilà.
Em frente, on y vas…


Meu carinho a quem continua por aqui
2014 espero poder estar mais presente, com menos sofrimento pessoal e mais tempo a me dedicar a moda e aos amores possíveis.

Love you all
JE VOUS AIME

Bisous
A+

LinkWithin

Posts relacionados