Feelings 2012...





parisconcorde
Fiquei pensando dias em postar ou não essa foto, talvez por que ela me diga tudo quando a vejo e me faltem palavras para legenda. A fase que nossa moda passa é tão marcante que soltam-se as amarras das palavras e o que vemos torna-se o que de maior temos. Tudo isso parece meio pirado, mas ao ouvir Paulo Borges durante coletiva de imprensa hoje no Hotel Fasano no Rio de Janeiro vi que não estou tão louca assim. Foi um encontro de apresentação dos patrocinadores, dentre eles O Boticário, Prefeitura do Rio, enfim a gente foi para prestigiar e bater papo com os amigos que giram o mundo pelos desfiles e que, assim como eu, deram volta para o Rio. É o terceiro evento desse ano. Imaginem!! Eu que tinha jurado que não faria nenhuma FW mais em 2012. O peixe morre realmente pela boca e aqui estou curtindo essas imagens de Paris, em pleno Leblon. Voltando ao Paulo, o Borges. Ele fala que ficou impressionado com a qualidade do trabalho dos estilistas que desfilaram na SPFW. Pouco tempo para criar= criação mais emotiva= genial. Disse que achou tudo lindo num papo com Costanza que eu peguei carona, pois trocava outras figuras com ela quando ele chegou e obviamente as atenções se voltaram para o criador desse fervo todo que envolve a moda brasileira. Ponto. Volto para Paris por uns instantes. A imagem me fala em grungismo ( tudo no desfile de Dries van Noten, a passarela imita a ruas). Esse movimento não tem o cunho de destruição que aquele da década de 90, por que confronta com os pararelos das outras duas imagens: uma lady e outra dandy. Então três estilos se equilibram e conversam. Matéria para pensar ( a da criação dos brasileiros em pleno furacão da pressa também!!!). Eu amo os xadrezes, mas não uso. A sandália Prada da foto do meio foi minha mais recente compra. A foto fez a Prada vender mais um par. Agora as ruas influenciando as vendas. 
E segue o processo. 
Em breve tem mais. Falta uma foto para fechar o ciclo prometido semana passada. 
Ela fala mais sobre o grungismo.
Vou publicar para fechar

paraleloos3


Sem palavras. Aposto que os pijamas, conjuntinhos e todos os semelhantes vão bater forte em 2013. É mais do mesmo. Assim vai ser com pitadas de genialidade de alguns criadores.
Fecho com homenagem ao Nicolas Guesquière que sai da Balenciaga no auge. 
Quinze anos de grandes modismos.
Fica aqui uma do último desfile.  




Toque de despedida com coleção inspirada na Espanha, país de Cristobal, o Balenciaga de verdade. 
Nicolas deixa sua marca.
Vai para onde?
Costanza acha que ele cansou. 
Ela sabe mais que a gente né?
Deve entrar para outra maison e criar outro barulho. É bom inverter a rotação.


Bisous
A+


Um comentário:

Zoe de gaia disse...

Ola querida...


A primeira foto é tudo!
Sem palavras ...o silencio é tudo ...estou buscando enterder isso ...tudo é tão veloz...preciso silênciar para poder falar ....

Obrigado pela imagem ...ainda bem que vc se arrisca a postar o que vc sente ...so isso basta, e importa ...sem sermos politicamente correto.

tudo ta tão banal! as pessoas precisam mais delas do que dos outros...um dia tudo passa ..rissss e a festa continua...afinal "O BABADO E FORTE".

LinkWithin

Posts relacionados