Chanel alta-costura inverno 2011, Alexa Chung, Charlotte Casiraghi, Daphne Guiness...

chanel2

 Fiquei devendo alguns posts sobre os desfiles de alta-costura inverno 2011. As apresentações da Chanel são clássicas aqui no blog e de uma certa e grande forma, ajudaram meu trabalho como jornalista internacional a crescer. Ter um convite para um desfile da Chanel é algo que demanda anos de trabalho no mundo da moda, pelo menos para um jornalista independente como eu, por isso ultimamente tenho guardado primeiro na mente e no coração as sensações que tenho para depois começar a escrever sobre o que para mim é algo muito caro. Para mostrar o inverno Karl Lagerfeld e sua equipe resolveram homenagear o lugar onde Gabrielle Chanel morou durante quase toda sua vida de estilista. 

chanel

Diz a historia que Gabrielle Chanel cansou de morar no pequeno apartamento da rue Cambon ( lugar onde eu pude ir algumas vezes e também postar aqui!!!) e por isso se mudou para o hotel Ritz na Place Vêndome, onde ficou de 1935 à 1971, quando morreu. Para dar continuidade ao que faz o mito ser imortal, a maison continua ilustrando tudo que faz com a presença grandiosa do espirito de Coco Chanel. Lindo, mesmo que o desfile seja enorme e eu consiga fotografar de longe. O que vale é estar ali e captar toda a essência da moda do momento. É isso que tento descrever um pouco aqui hoje. 



chanel5

O desfile em si (em um primeiro olhar!!!) não me surpreende mais ( mas logo logo vou mudar esse discurso...) Talvez por que o trabalho de Lagerfeld seja tão focado em manter uma identidade Coco Chanel ( por mais que ele negue!!) que não suspiro ( minto...) mais ao ver as roupas. Para amar e entender a moda Chanel é preciso ir além: olhar bem cada detalhe, para depois saber o que ela traz de novo dentro de uma criação absolutamente conhecida. Chapéus, véus, preto, branco, tweed... 

chanel7


Cuissardes transparentes ( opa!!!!!) pronto, uma novidade. Outra? Anotar a cor. Ela é mais... O ambiente todo tinha uma luz meio arco-iris bem leve ( talvez apenas visivel a alguns olhares). 


chanellookS
Karl queria que a decoração fosse de um cair de dia na Place Vêndome, depois de uma chuva. As cores sempre ficam difusas. Vem o arco-iris. E vieram as roupas com suas mensagens mais secas. Veio o azul marinho, o brilho, as plumas... Começo a me apaixonar..

chanel3

Até tombar de amor por esse top de tachas. Wish list eterna para ele e a certeza de que é uma ideia que vai ser difundida mesmo pelo planeta. 


chanel4
couture é para isso: lança desejos e aponta os caminhos que o prêt-à-porter e depois a fast-fashion obrigatoriamente vai seguir. Brilhos, costas em alta são verdade!



It womans and girls...



A princesa e seus grampos...Amo! 

charlotte3


charlotte2

Disse certa vez que toda mulher deve carregar grampos por tudo. É minha marca, onde passo deixo muitos...
Charlotte Casiragui também...


A plebeia, sua pele, seus olhos...

alexa

Alexa Chung é a perfeição. Também anda escabelada e com grampos nos cabelos... Precisaria um penteado diferente? Pasteurizaria sua imagem...

A herdeira e seus disfarces....

daphne

Daphne Guiness é das mais fortes influências da moda, arte e sociedade. Decripta-la é entender a loucura 
e os egos que circulam pela moda mundial..


A diaba  e sua corte...
annaeandre

Anna Wintour e André Leon Talley em ação. Ninguém pode com eles. Secos, firmes e sempre na linha de frente dos desfiles da Chanel. Isso é fruto do trabalho de uma mulher excepcional. Mesmo depois de 30 anos de sua morte, Gabrielle ainda evoca respeito e admiração...

É isso.
É verão em Paris, mas faz frio.
Normal.
Bisous
A+


8 comentários:

maylicia.blogspot.com disse...

Ana, se você tinha ficado devendo, nao deve absolutamente mais nada. O post ficou incrível, com muita riqueza d detalhes...

Beijos May

Jeff Perez disse...

Amei o post. Seu texto e as fotos como sempre estão incríveis, fico imaginando qual é a sensação de assistir um desfile como este... Chanel é emocionante sempre.

Cristiana Nunes disse...

Adorei as botas! Chanel nunca desaponta, serei sua eterna fã!

LUBE disse...

Eu me sinto dentro dos desfiles com seus comentários. Assim como voce agradece por ter a oportunidade de entrar, ver e sonhar com os desfiles, eu te agradeço por passar isso pros seus leitores. Beijão!

Renata Nogueira disse...

Amo seus posts, mas os dos desfiles da Chanel tem um lugar especial no meu coração! Parabéns por essa conquista na sua carreira e que venham mtas outras, pois vc merece! Um beijo carinhoso, Renata.

Guga Fernandes-Mídias Sociais disse...

Parabéns,amei o post
Dê uma visitinha lá no:
www.meuestilogugafernandes.com.br
Tá cheio de novidades.
Beijos

Luciene Vieira disse...

Chanel nos dá sempre um vislumbre de magia. Delícia que sabes perceber. E que és suficientemente genorosa para nos mostrar. J'adore!

Camila Zanoelo disse...

Ficou lindo o post, deu pra sonhar um pouquinho, mas também para manter os pés no chão, afinal você deixa claro que tudo é fruto de trabalho árduo, palavras que andam um pouco desconhecidas hoje em dia! Adorei as fotos das "personalidades", cada qual maravilhosa em seu estilo e reino!

LinkWithin

Posts relacionados