Albert Elbaz, Lucas Ossendrijver, Lanvin, Paul Smith...

Paul2

Tenho que ser breve com meus boletins aqui de Paris. Terminou ontem a semana de moda masculina outono-inverno 2011/12. Me deleitei com os desfiles de Paul Smith e Lanvin. Duas modas com duas pegadas diferente, mas complementares.  Faço uma pirâmide invertida, pois o desfile do Paul foi depois de Lanvin, mas a gente não pensa tudo em ordem, então voilà algumas impressões. A moda de Paul Smith é a melhor imagem que se pode ter de um homem inglês moderno, mas com um toque french. Paul mora em Paris e é uma figura adorável que anda e chega de bicicleta para seu próprio desfile. Sua passarela com Andrej indo e vindo tinha a roupa que ele sempre faz: camisas, paletós, jaquetas mais curtas, sobretudos. Cores? Vermelho, azul, preto e o que mais? Entre no Style.com e veja a coleção completa. Eu quero é falar do clima. Daquilo que os grandes sites de moda não mostram.

I’ve got be brief on my reports here from Paris. Yesterday the Fall-Winter 2011/12 Men Fashion Week finished. I ‘m delighted with Paul Smith and Lanvin’s fashion shows. Two ways of doing fashion each with its own print, but complementing themselves. I do the reverse pyramid, because Paul’s show was after Lanvin’s, but because we don’t think by order, so voilà some impressions. Paul Smith’s fashion is the best image one can have of the modern English man, but with a French twist. Paul lives in Paris and is an adorable character that rides and gets on his own show by bike. His runaway with Andrej coming and going had the outfits he always does: shirts, suits, shorter jackets, overcoats. Colors? Red, blue and black and what else? Check on Style.com and see the whole collection. What I want is to talk about the spirit of it. Something that the great fashion websites don’t do it.






Paul

Como essa figura que desfilou para Paul Smith. Toque inglês...
Like this character that was on Paul Smith’s raunaway. English twist…





Paul3
Ou esse outro gato. Toque italiano. 
Or this other handsome. Italian twist.

Paul4
E as meninas internacionais ensinando que as misturas mais interessantes são aquelas que você mesma descobre para seu biotipo, não? Flores, peles, transparências. Ah falando em flores: essa coroa que ela carrega na cabeça é um dos acessórios do desejo daqui. Quem faz é um dos ateliers de arte da Chanel. Na Vogue Paris de fevereiro tem muitoooos deles. J'adore. 

And the international girls teaching us that the most engaging mix are the ones that you discover by yourself for your biotype, not? Flowers, furs, see through. Ah and speaking of flowers: this tiara that she has on her head is one of the wish-list accessories around here. One of Chanel’s Art studios manufactures it. On the February issue of Vogue Paris there are lots of them. Love it.

Paul5

E j'adore também as cores fortes dando uma realçada nos clássicos. O inverno 2011 tem muitas facetas. Impossível não acharmos uma que nos encaixe bem. Vou falando sobre isso nos proximos posts...Corre corre para daqui a pouco ir para Dior alta-costura no museu Rodin. Vai virar tudo nos looks do style. Vocês vão ver. Sai o descompromisso das misturas e entram os labels e todo o seu luxo e perfeição. 
 
And I also love the bold colors enhancing the standards. 2011 Winter has many facets. Impossible not to find one that fits us well. I’ll talk more about it on the next posts…Rush rush so in a little while I’m headed to Dior’s haute couture on Rodin museum. It’s going to turnaround every look on style. You gonna see it. Out the mixtures disengagement, in the labels and all its luxury and perfection.




French-boys...

Lanvin2

No desfile da Lanvin a cara da moda francesa. Tudo limpo, sem excessos. Monocromia. 

On Lanvin’s runaway the face of French fashion. No excess, all clean. Monochrome.


Lanvin


 O império dos chapéus...
The hats empire....


Lanvin4

Uma estamparia maravilhosa. Tantas sobreposições você conseguir fazer e imaginar...

Amazing prints. And as many superpositions you may do and imagine..


Lanvin3


E o trabalho de Lucas Ossendrijver com a proteção de Alber Elbaz que é o diretor-criativo da marca, mas que assina apenas a coleção feminina. Enfim, a ideia de separar os criadores que fazem masculino e feminino aplicada em algums marcas é bem aceita por Paris. A gente ama o trabalho de Lucas. 

And Lucas Ossendrijver’s work under the wings of Alber Elbaz which is the label creative director, but that only runs the Women collection. Finally, the idea of separate the designers that create men and women done in some labels is well accepted in Paris. We love Lucas’ work.Tem galeria de fotos minha no site da Vogue Brasil. Entra e vê clicando aqui
Bisous
Paris 5°C com chuva fraca. 
A+
Fica na linha. 


There’s pictures done by me at Vogue Brazil’s website . See it here.

Kisses.

Paris 5°C with a mild rain.

Stay in touch.


Translation by Juliana Cintra Mercadante



juliana.cintra@uol.com.br




3 comentários:

petrito zezus disse...

BEAUTIFUL!

choicesmultiple disse...

Todos os looks me parecem interessantes! Não estou muito a par do trabalho de Lucas, mas adoro os looks que aparecem nas suas fotos, parecem-me inspiradores msm para nós, mulheres. Vou pesquisar!

La Tendanse disse...

Olá Ana! Td bem? Sou Dani Calicchio, bailarina, ex-mulher do ator Marcos Caruso.Escrevemos uma vez para vc, não sei se vai se lembrar.Estou escrevendo pq agora tb tenho um blog com foco na minha pesquisa de Dança X Moda e seu blog sempre foi uma ótima referência de conteúdo e de forma para esta pesquisa. Tenho vc na barra de favoritos, vira uma mania...Se tiver oportunidade, convido vc a "me" conhecer: latendanse.blogspot.com
Obrigada pelas referências e até breve!
Dani Calicchio

LinkWithin

Posts relacionados