Adriana Lima, Crystal Renn, Dries van Noten, Laetitia Casta, Louis Vuitton, Street-fashion Paris 2010...

bata
Vontade de ser hippie novamente? Super rola por vários motivos. O mais determinante? É que é hora de voltarmos para outras décadas. Passamos dois anos com a cabeça enfiada nos anos 80 e todas suas nuances, agora é hora de anos 90 e 70 again. Claro que esse hippie é chique. Pelo menos tem uma grande pitada de cuidado nele, mas não chega ao exagero, ok? E o que são esses hippies? As batas, os vestidos, os manchados tye-die ( yessssssssss) e as cores....
Feel like being a hippie again? Super works for several reasons. The most crucial? It's time to turn to other decades. We spent two years with our heads stuck in the 80s and all its nuances, it is now time for the 90s and 70s again. Of course this hippie is chic. At least it has a large pinch of caution in it, but not enough to exaggeration, ok? And what are these hippies? The gowns, dresses, tye-dies (yessssssssss) and colors...

dries
E eu vendo a primeira foto rapidamente tirei do armário minha bata indiana que ganhei em um Escambo ano passado.
Estou aqui escrevendo vestida com ela. E, falando em estampas, não é de hoje que estou apaixonada pelas da coleção passada de Dries van Noten ( essas do detalhe do casaco da modelo!). Tudo isso tem uma pegada muito particular dos 70, mas é misturado com o classicismo. Esse ainda muito forte nos nossos dias. Claro que é até bem óbvio falar sobre clássicos, como não temos muita noção de como o mundo economicamente vai acordar no dia de amanhã, é bom investirmos em peças que possamos reutilizar em algum breve momento. O que eu chamo de breve na moda? Uma lacuna de dois ou três anos, caso do tie-dye, entre outros...
And looking at the first picture I had to take out of my closet my indian gown that I got last year. I am here wearing it while i write. And speaking of prints,  its not from today that I'm in love with the last collection of Dries van Noten (these of the model's jacket detail). It has a very particular catch from the 70s, but is mixed with classicism - which is still very strong today. Sure it's pretty obvious to talk about classics, as we do not have an idea of how the economic world will be tomorrow,  so it is smart to invest in good pieces that we can reuse in some brief moment. What I call a brief in the fashion world? A gap of two or three years, which is the tie-dye case, among others ...

bloganaclara
E todo mundo falando de novo nas gordinhas e a moda. A Elle largou uma matéria e na Vogue Paris by Penélope Cruz também tem um editorial com a Crystal Renn, ex-anoréxica e modelo XXL. O fato é que para estar na moda, mesmo sendo gordinha, você tem que ter um absoluto conhecimento de que tipo de cheinha você é. Tem gente que consegue realmente.
É o tal "estar bem dentro da sua pele" que tanto se fala aqui na França. Alguém aí pode dizer que ela não está linda?
And everyone talking again about the "voluptious" women and fashion. Elle released an article and Vogue Paris by Penelope Cruz also has an editorial with Crystal Renn, a former anorexic model and  currently XXL. The fact is that to be fashionable, even being chubby, you have to have an absolute knowledge what kind of chubby you are. There are people who really can do that.
Is the "feel good within your skin" that is very much talked about here in France. Can someone there say she is not beautiful?

bloganaclara1
Agora, para as altas e magras tudo fica mais fácil, SEMPRE ( PELO MENOS NO FATOR VESTIR ROUPAS DE DESFILES!!!). Ano retrasado, quando a polêmica da anorexia entre as modelos pegou forte aqui e havia um rastreamento forte em cima do peso das modelos ( e ainda existe, pelo menos na França, uma fiscalização que vai até alguns desfiles pesar as meninas e fazer cálculo entre peso, altura e idade, sabiam???), Karl Lagerfeld, que detesta dramas, declarou que sempre houve predileção pelas magríssimas e sempre vai haver. Elas vestem melhor. É mas fácil colocar grande, do que não entrar na roupa. É isso. O problema é o desequilíbrio de muitas meninas. Elas querem ter um corpo que não têm. Querem um exemplo de quem não era magra demais e até hoje é top? Claudia Schiffer. Ela é famosa por poder vestir algumas determinadas roupas e também por desfilar de sapatos baixos ( monsieur Massaro me contou em entrevista).
Now, for the tall and thin everything is easier, ALWAYS (AT LEAST ON WEARING RUNWAY CLOTHES FACTOR!!!). Last year, when the controversy of anorexia among models was a strong topic here and there was a strong trace upon the weight of models (and still exists, at least in France, a certsain check which will weigh the models and make calculations between weight , height and age, did you know ???), Karl Lagerfeld, who hates drama, said that there was always a preference for very thin and always will be. They wear it better. It is to wear large than not being able to get into the clothing. That's it. The problem is the imbalance of many girls. They want a body that they dont have. Want an example of one who was not too thin and is still top? Claudia Schiffer. She is famous for being able to wear certain clothes and also for wear flat shoes in catwalks (Monsieur Massaro told me in an interview).



+

balenciagabag
Voltando ao papo de moda. Tem um bolsão bem grande para usar? Vermelho é uma das cores, assim como a bolsa City da Balenciaga. Um clássico que não tem erro. Vale o investimento. 
Returning to our subject. Do you have a very big purse to wear? Red is one fo the colors, like the Balenciaga City bag. A classic that has no error. Worth the investment.


bloganaclara5
Assim como também vale encarar uma Celine. A foto é da Vogue Paris Penélope. Tirei ontem, enquanto tomava sol no Museu Galliera. Aproveitando a primavera para fazer coisas diferentes, antes que volte a chover...A matéria fala exatamente do que eu acabo de escrever: "folia de bolsas clássicas". Não, a CHANEL 2.55 não vai morrer. A Prada lançou essa semana uma série de acessórios de primavera, um deles é uma bolsa quase Chanel. Fora a bolsa, aqui neste editorial é bom marcar a calça de linho, cintura muito alta. CELINEMANIA. Obra da Phoebe Philo na casa. Um show. Amo essa coleção. De tudo. Rastreei a loja inteira e nada de não gostar de algo.
As is also worth to face a Celine. The picture is from Vogue Paris Penelope. I took it yesterday, while soaking in the sun at Galliera Museum. Enjoying the spring to do different things, before it rains again... The article talks about what I just wrote "the party of classic bags". No, CHANEL 2:55 will not die. Prada launched this week a series of accessories for spring, one is almost a Chanel purse. Besided the bag here in this editorial is good to remember the good linen trousers,  high waist. CELINEMANIA. Phoebe Philo's work in the house. A show. I love this collection. Everything. i've tracked the entire store and couldnt find something i didnt like.


chloé
Mas eu continuo gostando e muito da antiga casa da Phoebe, a Chloé. Sapatos confortáveis. Ah! Sabe que a febre dos florais Liberty ou não, estão por tudo? Normal. É primavera...
But I still very much like the old house of Phoebe, Chloe. Comfortable shoes. Ah! Do you know that the Liberty florals fever or not, are everywhere? Normal. It's spring ...



penélope
E eu volto para finalizar de falar na Vogue Paris. Realmente maravilhosa. Com matérias interessantes sugeridas pela Penélope. Ontem fiquei horas assim, curtindo cada foto. 
And I come back to finish talking about Vogue Paris. Really wonderful. With interesting subjects suggested by Penelope. Yesterday I was for hours, enjoying each photo.


CLOSER:



Falando nelas, olha as tops que desfilaram para Louis Vuitton outono-inverno 2010. Cara lavada. Qual a mais bonita? Todas reais. Adorei.

Talking about them, look at the tops that walked for Louis Vuitton fall-winter 2010 fashion show. All showing off a clean face. Who is the prettiest? All real. I loved it.






Bisous
A+
XX
Translation By Juliana Ogliari

4 comentários:

Wlad Machado disse...

Outra cheinha que eu ADORO é a Beth Ditto!
Lindo post, ótimas imagens e texto!

=D

Veri. disse...

Acho que além de vestir melhor, perfeição vende moda. As mulheres acreditam que a magreza é essencial e os homens também, o que é pior! E quem não é modelo e não é francesa? ahahah! acredito que mostrar beleza em todos os biotipos é a saída mais inteligente. E Karl L. pode falar o que quiser, vai morrer um ex-gordo.... de recalque se defende atacando agora que é magro.

beijos!

Fernando Nunes disse...

Querida Ana!

Dries a cada vez mais vem chamando minha atenção! Como vc disse, ao poucos estamos voltando nossos olhos para os anos 90, a era dos belgas, onde eles reinaram com força e estilo! Uma peça que seria muito bom se vc mostrasse é um vestido da coleção de inverno Do Van Noten com saia ampla, bolsos militares, gola padre e sem mangas, completamente estampado em aspecto de folhas secas, lindo! Sintetiza este inverno. Outra coisa que adorei foi a dica da City da Balenciaga, para mim ela é tão clássica como a Birkan

Mme. S. disse...

Amo esse negócio de cara lavada, menina! Acho um luxo poder ser você mesmo, sem claro, querer assustar ninguém né?

E essas meninas são luxo!

LinkWithin

Posts relacionados