Balenciaga, Celine, Giovanna Bataglia, street-style...

cabelo
Eu, enquanto amante da moda, acho que a gente tem que se preocupar com tudo, antes de ir até a esquina comprar um pão. Não saio de casa de qualquer jeito, quase nunca, exceto se realmente o tempo é curto e a sede, grande. Quero dizer: se estou sem água em casa e não consigo me arrumar para sair, mesmo assim dou um jeito. Coloco um óculos escuro, apanho uns grampos, faço um penteado meio sem nexo e vou. Quase sempre funciona. Minhas amigas querem que eu ensine a facilidade que tenho para manipula-los ( os grampos!!!!), na verdade, não existe nenhuma técnica, apenas um dom de conseguir bons resultados na hora de esconder um péssimo dia de cabelos. E eles não são poucos aqui em Paris. Água ruim, vento, chuva e falta de tempo para passar algumas horas semanais no cabeleireiro, etc...
Tanto papo para introduzir este penteado lindo. A roupa pode ser um casaquinho preto simples, mas o make e o cabelo bem cuidados conduzem você ao Olimpo. Anota e não esqueça. Não descuide dos detalhes nunca. Eles denunciam sua alma....


As a fashion lover I think we have to worry about everything, even before going to the corner store. I do not leave home dressed as whatever, almost never, unless the time is really short and the thirst is big. I mean, if I'm without water at home and I can’t put myself together to get out, I still manage to do so. I put on dark sunglasses, I get up some hair pins, I put together a senseless hairstyle and I go. It works most of the time. My friends want me to teach the ease that I have to manipulate them (the hair pins!!!!); in fact, there is no technique just a skill to get good results when you need to hide time a bad hair day. And they happen that often here in Paris. Bad water, wind, rain and lack of time to spend a few hours a week in a hairdresser, etc...
So much chat to introduce this beautiful hairstyle. Clothes can be a simple black cardigan, but the makeup and good care with hair will lead you to Olympus. Notes and do not forget. Don’t ever neglect the details. They denounce your soul...

balenciaga4
Mas se você tem tempo para tudo isso e mais um pouco, pode, sempre se embrenhar em misturar e jogar cores. É tarefa difícil, mas não impossível. Adoro essa ankle do Louboutin. Teria mil ideias de como usa-la, menos essa, mas nela ficou bom. O que funciona em uma mulher, pode sempre destruir outra. O que me leva a dizer que se inspirar é uma coisa, copiar realmente uma missão bem kamikaze.




But if you have time for all this and a little more, you can always be embroiled in mixing colors and playing. It is difficult but not impossible. I love this Louboutin’s ankle boots. I have a thousand ideas of how to use it, except for this one, but it works for her. What works for one woman, can destroy another. Which leads me to say that get inspired is one thing and copy is actually a kamikaze mission.

balenciaga6
Exemplo? Usar casaco gordinho com minissaia é uma tarefa bem complicada. Se não tiver a proporção correta como a dela, 
fica desastroso. Bem, amo essa saia Celine e também o jeito descompromissado do cabelo. O grampo rolou bem aqui. 


Example? Wear a puffy coat with a mini skirt is a very complicated task. If you don’t have the correct ratio as hers, is disastrous. Well, I love this Celine skirt and the casual hairstyle as well. The hair pins worked well here.

giovanabataglia
Mesmo processo com Giovanna Bataglia como exemplo. O vestido é lindo, mas aumenta e muito o corpo todo.
Como ela é magérrima fica lindo, mas experimente colocar numa voluptuosa mulher!!! Giovanna também se serviu da caixinha de grampos. Nem sempre o salão é nosso melhor companheiro. Tenho experiências desastrosas que me levaram a ter certeza que, por vezes, não arriscar e resolver a questão em casa, mesmo quando tenho tempo, é a melhor solução.


Same process with Giovanna Bataglia, as an example. The dress is beautiful, but improves greatly the entire body. As she is super thin it looks beautiful, but try putting it on a voluptuous woman! Giovanna also helped herself on the hairpins’ box. The hair salon isn’t always our best friend. I have terrible experiences that led me to make sure that sometimes, is better to not take a risk and try to solve the issue at home, even when I have time, is the best solution.





manteaux
O povo amou o manteaux amarelo do post de ontem. O comprimento é o mesmo desse preto. Um dos indispensáveis do ano. Tem que ser reto, bem clássico mesmo. Mil e uma utilidades.

People loved the yellow manteaux from yesterday’s post. The length is the same of the black. It is one of the essential pieces of the year. It has to be straight and very classic. Endless ways to wear it.


Homens de Paris: 
Men in Paris:


meninparis
balenciaga1
mans
men
E sobre eles? O que dizer desses homens!!!!! Eles dominam o assunto tanto quanto elas. Cada um na sua batida, na sua experiência, na cultura da raça, mas todos absolutamente lindos e perfeitos. Que inspiração! Tente copiar e colar, se possível for. 
Bisous, A+ 
XX






What about them? What about these men!!!!! They dominate the subject as much as the women. Everyone on their own beat, experience and culture but all absolutely gorgeous and perfect. What an inspiration! Please copy and paste, if possible.
Bisous, A +
XX


Translation by Juliana Ogliari.

13 comentários:

dechanelnalaje disse...

Olá!
Confesso que durante muito tempo eu pensei que, jogando um bom sobretudo em cima do pijama, dava para ir à padaria comprar pão. Foi justamente num dia em que acompanhava a minha prima à padaria de manhã, que a minha ficha começou a cair, quando ela me disse: você não deveria sair com essas roupas nunca; tudo bem que você nem vai descer do carro, e que ninguém vai te ver através do vidro fumê, mas e se o pneu furar? E se acontecer algum acidente? Já pensou no mico? Bom, a ficha só caiu totalmente quando, em outra ocasião, eu estava no carro, esperando o meu pai que havia ido à padaria e ao jornaleiro, e ele apareceu no carro com um amigo, que veio me cumprimentar. Eu totalmente descabelada e de chinelo. Realmente, não dá.
Beijos!

Fernando Nunes disse...

E sou completamente partidário do cabelo um pouco mais ao natural. Para as brasileiras, por exemplo, cabelo bonito é o cabelo liso. Por aí, em geral na Europa, as coisas, felizmente são diferente. Cabelos não podem e nem precisam ser sempre os mesmos, principalmente compridos.
Muito vontade de que faça um friozinho por aqui para poder arriscar mais no look, tentar um ctrl c -> ctrl v dos looks dos meninos e criar coisas novitas!
Post muito cool!

bjos

henrique teixeira disse...

Ontem eu dando consultorira para uma amiga que vai passar quatro dias em um resort. Na mala dela roupas e mais roupas...e no cabelo
GRAMPOS! Eu disse....GRAMPOS A LOT!

kkkkkkkkk

Adorei o sapato marrom do mocinho...uau!

xoxo Henrique

ADELINO MARINHO NETO disse...

Amei os looks masculinos.. vou dar um RT no meu blog agora!

Bjos!

Leo Amaral disse...

São verdadeira inspirações esses looks masculinos! Admiro demais a liberdade dos parisienses de vestirem o que querem de forma tão elegante e cheia de personalidade.

Lore. disse...

great pictures!
XOXO
check out my blog: http://loresfashion.blogspot.com

Sarah disse...

Que bom que as mulheres (inclusive eu) estão descobrindo os grampos. Práticos, muitas vezes deixam a gente mais bonita.

A cidade inspira. Às vezes me sinto pouco inspirada a me arrumar para passar pela Av. Santo Amaro em São Paulo. Sad but true.

Reconheci a roupa da mulher de casaco de onça. É Celine.
Estou vendo revistas demais, definitivamente.

Maria Ana disse...

Gostei muito da parte do penteado!:)

Li Mallet disse...

Grampos são coisas clássicas, minha vó me ensinou como usa-los e nunca mais parei.
adorei os looks masculinos.
adorei o blog também, não conhecia, tá de parabéns
beijão

Veri. disse...

Também sou fã de grampos! sempre que rola um bad hair day, faço um coque sem compromisso... e sempre me sinto arrumada!

beijos!

Sil Nascimento disse...

Ana, como sempre, um excelente post. Minha má experiencia de sair de casa de qualquer jeito foi quando coloquei um vestidinho desses de ficar em casa, chinelos e fui na padaria. Acontece que moro no mesmo bairro que meu chefe, e justo aquele dia, dei de cara com ele e a esposa por lá. Tudo bem, são meu amigos, mas eu me senti bem mal e a partir dai, passei a ter cuidado, até mesmo em casa, porque, marido não precisa dividir a casa com mulher bagunçada (nem a gente com homem esculhambando..rs). Amei os looks. Uma coisa que sempre noto é que a Giovanna Battaglia, assim como a Anna dello Russo, muitas vezes optam por maquiagem e cabelo bem clean, ou seja, roupas de luxo sem montação muito afetada. Fica parecendo, eu me arrumei em casa e vim. Eu gosto.

Carina Joana disse...

oh j'adore!! Aquele casaco de tigresa é lindo! E eles estavam bem fashion!

Natália Firmo disse...

Keridaaa...amei o blog...D+!!!

Parabéns...aguardo aos novos posts.


Blogbeijoooos!

LinkWithin

Posts relacionados