Moda Paris: Empório Armani, Dirk Bikkembergs, Milão Fashion Week outono-inverno 2009/2010...



O inverno 2009/2010 vem preparado para o frio. Primeira coisa. Nada de pouca roupa? Não é bem assim. Tem dissidências nesta proposta e a gente vai ver logo quem perverteu total. Aqui Missoni e uma coleção cheia de sobreposições e as controversas peles...Verdadeiras estas? Certamente.



Acho que tudo que a gente quer no inverno é vestir roupas assim. Corrigindo: tudo que eu quero. Casacos que esquentem, calças confortáveis e a possibilidade de ir tirando tudo à medida que esquenta. A Missoni tem como assessor de estilo monsieur Valentino ( aposentadoria mais bling bling do que real, pelo que tenho constatado) e entra numa fase mais jovem.





A proposta é a mesma. Casacão com franja ou não. Maxi-pull, meias, capuzes... Volta o marrom e...




Missoni curte as cores mais desmaiadinhas. Contenção de exageros nelas, ao menos.




Preparo uma matéria sobre comprimento de saias para a minha coluna na Gazeta do Povo, Paraná. Daí fico guardando o assunto, tendo sempre em mente que existem alguns leitores em comum. Quero que o assunto seja novo para todos. Bom, Armani nem parece Armani, mesmo a Empório e não ainda a Giorgio.



Tudo curto!!!!!



Armani sabe o que faz e o que vende. Tem termômetro para isso. Tricô, marinho e unhas pintadas de vermelho.




Mas a sofisticação permanece. Como o casaco em tecido brocado para usar com a parte de baixo curta. O que chama a atenção é o uso das meias ou pelos joelhos ou mais curtinhas. Um touch bem jovem na grife. Perguntinha: quem consegue usar estas meias?



E as bermudas de cintura alta com bolsos e pregas- usei muito nos anos 90- estão de volta.





Se eu fosse homem usava saias...




A moda que tem Jean Paul Gaultier como grande "embaixador" . Palavra meio cafona dizer que alguém é embaixador de algo. Vou tentar de novo: Jean Paul Gaultier é estimulador de uso de saias. Melhor.



Bem, agora tem Marc Jacobs que anda de saias. Ele contou, em entrevista à Vogue Paris, estar apaixonado pelo conforto das saias. A ponto de em NY, um assistente seu ter saido e comprado uma Comme des Garçon. No outro ou no mesmo dia ( não lembro ao certo) telefonou para a Rei Kawakubo e pediu todos os modelos que ela tinha em estoque. Acho o máximo, mas complicado encontrar quem não é Escocês e nem da moda usar. Mas que fica bom, isso fica.



Boa imagem para fechar o post da semana. Homens aos montes chegando para trabalhar na inauguração da Dirk Bikkembergs em Milão. 47. Anota. Loto nele.

E o que eu escuto agora. Para explicar: não sou patrocinada pelo Visa, mas foi onde eu achei o vídeo da música que queria postar:



Quem leu o post de ontem percebeu a imensa pedra brasileira na vitrine da Stella Mcartney?

Bisous
A+


4 comentários:

Adriana disse...

Adorei a seleção de fotos...
Afinal qualidade está acima de tudo...
Parabéns!
Beijos.

Luciene Vieira disse...

Ana, onde você conseguiu as fotos dos vendedores de Milão tinha também fotos do interior da loja? Poderias indicar um link?

Percebi na hora a drusa de ametista no show room da Stella. Tenho uma em casa, bem menor, é claro. Mas minha sogra tem uma daquele tamanho - e ela usa para segurar a porta!Os esotéricos acreditam em muita renovação e limpeza astral com estas peças no caminho. E Stella sabe bem mesclar passado, presente e futuro, sem ranços e traumas. Ponto para ela!

Maria disse...

post divino...
opções para o inverno divinas(tirando as peles da questão)...
e saias em homens divinos!!

Bjos

Anônimo disse...

É, eu bem que notei aquela pedra, enorme!

LinkWithin

Posts relacionados