Moda Paris: Dior, Emma Watson, Dita Von Teese, Eva Green, Katy Perry, Lily Allen, Marion Cotillard, Harvey Weinstein, primavera-verão 2009...


Entro correndo. Posto as fotos e vou ao desfile de Marithé François Girbaud é de là do Carrossel do Louvre escrevo sobre o dia de ontem. Adianto que a Dior de John Galliano renovou tudo. Tribal-chic para substituir as clássicas mulheres da coleção passada. Touch rock no som, touch couro e píton. As manecas pareciam Pedritas-chic (nos penteados, imensos coques frisados e armados no alto da cabeça, nos detalhes de pedras marfim usados em colares, sapatos e roupas). O Barney largou o dinheiro!



Volto daqui a pouco. Imagens do desfile curtíssimo de Dior, com alguns looks longos, porém transparentes, no final. Super brinde para a gente. E ainda as fotos exclusivas do blog no final com Eva Green, Katy Perry, Marion Cotillard, Lily Allen, Dita von Teese, Ema Watson... Voltei. Então, a Dior mudou de cara! Ficou mais jovem para atrair clientes com menos de 25 anos ou quer deixar suas habitués mais novas?



Pode ser uma ou outra resposta. Podem ser as duas. Outra boa explicação para a simplificação das roupas é a crise no mercado financeiro internacional. A instabilidade é grande. Hora de segurar a pegada. Bom momento para os beges e...


O branco com brilhos ( não sei se são tachas ou algum outro tipo de pedra prateada, me parece mais a primeira alternativa). A verdade é que eu gostei da mudança da Dior. Gosto de grife que se posiciona ao sabor da economia e política. O que é super interessante é que, neste momento, Galliano é quase o costureiro oficial da primeira-dama da França, Carla Bruni-Sarkozy, e a veste com todo classicismo que a posição pede.



Os vestidinhos de "dia" vão vestir Carla? Vai a mulher do presidente usar estes microvestidos ou é apenas realmente uma coleção para desfile e depois a Dior pensa no que vai fazer? Too many questions . Bem de tudo quero dizer: adoro que as leggings pretas continuam. Adoro os corsets. Adoro os cabelos e adoro...



As transparências que muita gente fez. Um exemplo próximo? Roberto Cavalli verão 2009. Veja aqui.



E se Milão tem em Roberto Cavalli um "rei" pelo humor e egocentrismo, Paris tem o inverso. O belga Martin Margiela comemora 20 anos de carreira e merece, outro dia, um post inteiro para contar sua história. Passo rapidamente uma das imagens do desfile de ontem, quando as várias fases do criador foram lembradas, mas com toques novos...Clima de festa e sempre a "não presença" física de Margiela.



Voltando para a Dior. Dei uma de paparazzi e fotei algumas das atrizes e cantoras que foram ao desfile ontem. Eva Green mais linda ao vivo do que em algumas fotos é a estrela da campanha do perfume Midnight Poison. Vê o filme do perfume aqui



E ontem foi a entrada oficial da Marion Cotillard nos desfiles de Paris. A atriz vencedora do Oscar de melhor atriz, por ter interpretado Edith Piaf como ninguém, apareceu de cinza clássico. Com ela o produtor Harvey Weinstein. Os dois trabalham juntos em um musical chamado Nine.




E eu não perdi a tietagem e a beleza de Marion...Segue as fotos...








Para encerrar as outras garotas Dior: Lily Allen, Dita von Teese, Katy Perry e Emma Watson. A presença de todas elas me faz pensar que a possibilidade de Dior querer renovar o casting de consumidoras está certa. Mas as sexys-girls como Dita von Teese permanecem ma mira da grife. Minha dúvida é onde ficam Marion Cotillard e Carla Bruni-Sarkozy? Alta-costura para elas. Roupas sob medidas para as estrelas maiores.
Bisous
A+
Amanhã mais Paris

2 comentários:

beatris lamego disse...

Veja só, os looks destas mulheres na platéia! Não usavam preto como é usual pela platéia dos desfiles e, lembram épocas desde os looks que vestem, aos cabelos e maquiagem! Lindo! Fizeram um estilo! ótima foto! Parabéns!Bia Lamego

Du Balaio disse...

Arrasou, Ana!
Vc deve estar delirando, né?

LinkWithin

Posts relacionados