Moda Paris: Claudia Schiffer, Michelle Obama, Naomi Campbell, Prada, Ralph Lauren, Stefano Pilati, Vogue Paris, Yves Saint Laurent...


E ontem o calor parisiense estava tão insuportável que quase enlouqueci. Literalmente. Faltaram-me forças para escrever. Faltavam-me forças para respirar. Recuperada depois de uma trovoada de verão e de um amanhecer mais fresco, posto as coisas que li e vi durante a semana. Revistas de agosto? Naomi nua, ao lado de Stefano Pilati em plena pré-divulgação do próximo Manifesto da grife. A campanha, que foi estrelada por Gisele Bundchen e Kate Moss, agora tem Naomi como estrela.




As fotos são de Inez Van Lamsweerde £ Vinoodh Matadin. E são eles que assinam o ensaio com capa e recheio da revista I-D...




A escolha por Naomi tem vários motivos e, segundo Pilati, a top inglesa tem um quase 'intocável poder"...Intocável ela não é, senão não se envolveria em tantas confusões com a polícia. Quando resolve, Naomi desce do salto de musa e encarna uma barraqueira...É a vida real derrubando alguns mitos da moda, o que não é nada ruim para desvendar os mistérios de uma beleza nem tão bela assim...



E dentro da I-d a campanha com outra top veterana. Claudia Schiffer agachadinha e de peruca morena para uma Chanel contemporânea e totalmente vampirizada por Karl Lagerfeld...



Na capa da Vogue Paris ( dà para ver na primeira foto, mas voltarei a falar nela no próximo post) Daria Werbowy de vermelho. A cor ilustra também o encarte de resumo de coleções outono-inverno 2008/09 e está em outras vitrines fora a de PauleKa que mostrei durante a semana. Quem fez vermelho? Balmain, Dior, Dolce e Gabbana...





Ralph Lauren ( foto em editorial sobre a moda de rua na Vogue Paris), Prada entre outras... Queria falar mais sobre ela. Ontem ao fugir do calor fui dar umas voltas na avenue Montaigne para ver de perto as novas coleções. Ao entrar na Prada, um choque: um casaco de vison de 11 mil euros penduradinho nas araras. E eu que divulguei aqui que a Miuccia Prada assinou um compromisso com a Peta garantindo que não iria mais colocar pele em suas criações e que elas " não cabiam mais na moda". Pelo jeito cabem nos cofres das grifes. Também na Vogue um editorial fazendo o contraste entre as campanhas anti-pele e a avalanche de peças feitas por diversas marcas para a próxima estação...




E é hoje o lançamento oficial do perfume Dior Sport com mister Jude Law maravilhosamente lindo ( redundância proposital) como garoto-propaganda...




Não resisti em repetir ou switar a notícia. Ontem também senti o cheiro na loja da Dior da Montaigne. Sobre? Bom, muito bom. Aqui custa 73 euros, o que pelo câmbio de hoje sai por 180 reais...




E a Michelle Obama hein? A mulher de Barack Obama veste até Azzedine Alaia. Jogada de marketing para empurrar a eleição do marido? Ou realmente uma nova mulher elegante a ascender agora? Bom, ela entrou na lista da Vanity Fair como uma das mais bem-vestidas do momento...




Outro assunto que amo é falar sobre a indumentária masculina. Alguns optam pelo classicismo, um new-dandysmo e uma sobriedade total como a foto da coleção Thierry Mugler. A coleção não é desenhada por ele e tampouco é dele, simplesmente o nome foi vendido e a grife continua a existir. Pena que não façam mais o feminino e que Mugler em pessoa esteja apenas no mercado da perfumaria.




E na I-d a matéria sobre homens maquiados. Li também em algum outro lugar uma discussão sobre eles usarem maquiagem de dia. É legal ler o que vemos acontecer na vida real. Semana passada fui até a Sephora e vi um homem experimentando maquiagem. Estranhei a cena, pois era alguém bem discreto, diferente das figuras que normalmente vejo maquiadas. Agora percebo que o movimento homens de make assim com os de saia está com força...O que eu acho? Um lápis preto no olho à noite rola. Sempre para quem tem estilo. Em tudo é essa a regra.



Encerro com a imagem ( meio desfocada pela rapidez) feita num cruzamento da cidade que ilustra bem os nossos homens do momento. Sempre passo por ele. Interessante que nunca o vi sem estar impecável, mesmo num dia quente como o da foto. Gosto da proposta. Da vaidade e de uma certa simplicidade percebida no seu caminhar. Ele anda, por vezes, com a cabeça baixa, como quem pensa na vida. O garoto tem seus propósitos. Um deles: o da produção estudada e acertada que faz...
Bisous
A+

Um comentário:

Julia Fontelles disse...

Oi Ana Clara, sempre leio seus posts e até linkei no meu blog. Adoro moda de rua e em Paris é uma maravilha para descobrir tendências, não? Estive aí faz uma semana e o tempo estava bom, o calor ainda não tinha chegado.Bom, sobre o post, olha, Deus me livre ter que dividir meu lápis de olho com meu marido, adoro homem que sabe se vestir e segue alguma tendênciazinha, mas se maquiar está fora da minha lista de preferências. Saia então aí eu nem comento!
Um abraço...

LinkWithin

Posts relacionados