Moda Milano: Alexander Mcqueen, Emporio Armani, Gucci, Gianfranco Ferré, Prada, primavera-verão 2009...


E hoje o dia está punkkkkkésimo, mas mesmo assim, ainda assim, posto. Internet que cai, museu que fecha e mesmo assim Paris continua linda e eu consigo virar meus olhos para ver os desfiles da primavera-verão 2009 de Milão. Na linha de frente abro com a Gucci de Frida Giannini. Total rocker. Total burguesa. Toque caribenho. Deu para entender? Curte as imagens...O azul é a cor do momento e a Gucci o desdobra para 009 em tons piscina. Veja bem: não é turquesa.




E eu bem que gosto dessa diversidade toda. Da mistura dos elementos e de um final que acaba agradando vários tipos de consumidores...As manchas que a Prada fez ano passado continuam a pipocar aqui e ali em Alexander McQueen..



E queria encerrar essa rápida passada de olho na Gucci apenas para fofocar que diz a mídia italiana que os egos chiques de Tom Ford, ex- Gucci e Frida, a atual, não se batem mesmo. Os dois disputam a vez de quem dà a melhor festa em Milão essa semana. Cada um no seu canto. Ford abre seu reduto de roupas masculinas e cheiros maravilhosos por là. Frida quer firmar terreno. Frente a um Deus da moda desses? Desista...




E alguém usaria essa roupa de Alexander McQueen? Muitos. Alívio. Acabo de escrever um artigo sobre isso. Os homens se diversificam. São mutantes...




Não???? Adorei essa coleção do inglês que se inspirou ( ????) em...



Prada do inverno passado para fazer esse casaco? Ou é tendência mesmo? Linha tênue essa...



O fato é que McQueen pegou pesado a mão nas ousadias para seus homens e fez da passarela mais um apanhado de idéias do que um lugar para mostrar as roupas da próxima coleção...




Novamente cito a Miuccia ao ver McQuenn e falar nessa idéia de não mostrar a coleção. É o jeito de não ser copiado. Cumpre a etapa dos desfiles e depois quem quiser vestir suas roupas que và até as lojas e as compre...



Mesma estratégia para Emporio Armani? Nem tanto. Giorgio tem um estilo com cores, tecidos e padrões bem definidos e quando quer mostrar mostra mesmo. Seus "deuses" de saroel e coletes vão ficar na minha memória.



O que fica de moda dessas imagens? As calças mais largas e por que não o saroel mesmo? E a permanência dos coletes e da cor cinza para o verão europeu do ano que vem...Não se pode dizer que existem novidades ( talvez sim nas tecnologias dos tecidos cada vez mais leves e confortáveis) mas o que se vê sempre de tudo que Armani faz é harmonia e bom gosto...



Os cortes são perfeitos, o casting mais ainda e a certeza de que investir em uma peça sua tem duas coisas fundamentais: não é modinha e não acaba na primeira lavada...




Adorei a flor, a simplicidade e a elegância dessa passagem...



E encerro com a imagem para falar mais amanhã. Desfile de Gianfranco Ferré. Fez um ano agora que o estilista italiano morreu, mas sua equipe permanece com o que ele mais gostava permeando sua criação. Fidelidade ao elegante e inconfundível design italiano...
Bacio
A+

Nenhum comentário:

LinkWithin

Posts relacionados