Moda Paris: Carine Roitfeld, Anna Wintour, Harriet Quick, Marc Jacobs, Diesel, DKNY, Brad Pitt e mais street fashion....


Enquanto Nova York ferve, eu conto os dias para a semana de moda parisiense e também faço contatos para confirmar meus convites. Fora isso muita pesquisa, inclusive sobre o mundo sob a visão de outros jornalistas. Adorei uma matéria com as três editoras de moda mais conhecidas, o trio Vogue: Carine Roitfeld (Paris), Anna Wintour (US) e Harriet Quick (UK) questionando por quê elas não usam aquilo que falam para todo mundo usar. Achei interessante o mote e acho que bate com aquilo que sempre digo: tem coisas que são moda, mas não ficam bem na gente. Fazer o quê? Andar fantasiada? Ou aproveitar e pinçar o que hà de bom e dar um leve toque de contemporaneidade com acessòrios novos, mantendo as proporções que nos favorecem? Resposta embutida dentro da pròpria pergunta...



E sigo dando uma olhada em NY...

Marc Jacobs...


Estava esperando esse momento. O maior nome da NY Fashion Week é ele... Cada vez mais genial!!! Bordeaux na linha. Influência Paris total...





Uma certa simplicidade que não pode faltar aos americanos...





E o luxo do brilho...



Enfim, Jacobs faz outra apresentação triunfal. A coleção completa aqui


Diesel


A grife italiana apareceu assim bem simples nessa temporada. Branco total e a mistura de silhuetas justas com largas... Sempre gostei disso. Corpetes são excelentes para investir e a idéia de misturar uma peça medieval com as calças quase saroel é boa...apesar de não ser nova...



Meninos de trench, rosinha e sandàlia... Simplérrimo...





Marc Jacobs e Miuccia Prada recomeçaram os manchados bem suaves (ontem fui até a loja da Miu Miu na Saint Honoré e vi vàrios sapatos iguais aos que ela fez para a Prada, muitos scarpins anos 80). Agora eles pegam na Diesel... O modelo de vestido decotadésimo é daqueles imbatìveis e favorecem até as três pequenas editoras de moda da abertura do blog...




DKNY...


E DKNY està cada vez mais com cara de Armani americana de saias. A primeira vez que fui até os Estados Unidos, hà pelo menos uns 11 anos, me apaixonei por ela... Lembro até hoje o desespero que me deu para comprar algo de là...



Não vi muitas mudanças ao longo desses anos, mas meu terninho comprado naquela época ainda permanece no guarda-roupa da famìlia. Então é insdiscutìvel a importância das roupas de Donna Karan... Elas são eternas asssim como as Armanis...



E não é também que a gravatinha das ruas de Paris e que o Jude Law usa estão também no universo DNKY????




Enquanto isso na minha mini-redação Paris...



Falei ontem das botas de cowboy e não contei a descoberta de uma mina delas. Durante minha caminhada do final de semana, achei a lojinha num beco da parte velha da cidade. São peças fantàsticas vindas do México e do Texas.. Uma parceria francesa com artesões desses paìses... Amei!!!! Mais um ìtem para meu "saco de desejos"...





E segue a saga "Rosemaire" pelas ruas daqui... As botinhas baixinhas de verniz, com detalhes ou não, jà viraram febre...




E encerro o post de hoje com a imagem de ontem à noite: a roda-gigante do jardim de Tuileries... Assim que terminam as férias ela é instalada na Concorde e fica là todo o inverno. A experiência de estar là em cima e ver Paris inteira sob o céu estrelado???? Sem palavras...



E sem palavras também para Brad Pitt nesse vìdeo do festival de Deauville ensaiando uns murmùrios em francês...A parte que ele aparece falando està no final...




Gostou? Volta amanhã!!!!Estarei por aqui no compasso de espera da ùltima semana de moda prêt-à-porter que Valentino vai participar antes de se aposentar...Começa dia 29 de setembro e vai até de outubro... O calendàrio oficial você vê
aqui
Bisous!!!!
Salve a renovação!!!
A+

Um comentário:

Samuel disse...

Ana,
estou atrasando meus comentários pq minha vida tá super corrida! Mas não podia deixar passar esse post! Adorei as Editrix!! Bom, se o Diabo Veste Prada, eu não sei, mas fiel ele é, concerteza ainda são poucos que enxergam o que essas mulheres vislumbram, na verdade, elas são mais do que fiéis ao mandamento mais básico de Mademoiselle Chanel: "As modas passam, mas o estilo permanece...", de que serve a moda senão de "self-service" do esilo, ela é mutável, não para gente mudar a cada estação, mas para renovarmos, nossas formas, cores, texturas, mas sendo fiel ao que nos agrada!! Fazer o que se as Jodphurs não caem bem!! que fiquem nas araras eu que não gasto meu rico dinheirinho com uma!! Pra que se martirizar com algo só pelo fetiche de ter, pq a chama daquele momento determina isso!! Temos que aprender com o "diabo" a "contestar" e não cair em "tentação", acho que isso é o mais importante, mas fazendo a linha tiete, fico com Carine Roitfeld, ela tem savoir faire, meu bem!! Para semana de moda deixo essas palavras: Marc adorei a sua viagem - descontrução - acho que o Marc cansou de badalar com as certinhas para cair na farra visual!! Espetacular, as cores transparências e recortes!! Bom vamos começar a pinçar oque nos interessa!! Quero a camisa branca que o Brad usou em Deauville e essa bota country tb vai para o meu "saco dos desjos", ai fetiche!! O que seria do inferno sem vc!!! Beijos Ana, te amo!! Adorei, embutir é a palavra! Gente vamos embutir nossas imperfições e deixar clara nossas qualidades!! Sempre, né Ana??!

LinkWithin

Posts relacionados