MODA PARIS: Willy Maywald o fotògrafo que levou as mulheres para as ruas e + strett fashion hoje...


O nome de Willy Maywald me caiu nas vistas quando fazia minha peregrinação diària por notìcias de Paris. Na verdade eu até jà tinha editado todas as imagens de rua quando me chega Maywald. Bem, vamos là: fotògrafo alemão que ganhou expo de 300 imagens no Museu Carnavalet até dia 30 de setembro. Ele trabalhou com a maison Dior durante a chamada "idade do ouro" do casa. Isso foi entre 47-57. Trabalhou também com Yves Saint Laurent. E sabe o que mais e o que hà de intimidade entre o blog e ele? Foi Maywald quem colocou as modelos para fazerem fotos na rua.









E mostra "Nostalgie" revela outras qualidades do fotògrafo. Ele curtia lugares, pontos movimentados e emblemàticos de Paris. Igualzinho a mim. Melhor sigo os passos desses mestres, não na qualidade fotogràfica, mas na busca por informação através das imagens... Vou dar um pulo no Carnavalet dia desses para mergulhar mais nas fotos pb dele...










Por acaso tinha feito essa foto hoje pela manhã. Paris mudou, mas continua linda... Esse ponto é do Trocadero, por onde adoro passar todos os dias. Respira-se història e moda sabia? Entra pelos poros...









E percebi que existe um mundo em preto e branco e cinza solto pela moda, ainda que as cores fortes estejam em plena erupção, sempre hà um bom lugar para o bàsico com estilo. Parisienses fazem isso como nenhuma outra. Pode crer...







Fazer um bom look com roupas chiquérrimas é fàcil. Agora jogar um vestidinho de malha , pegar uma bolsinha metàlica e sair por ai ditando liberdade na moda é direito adquirido das moradoras dessa cidade maravilhosa...










E não? Outra coisa sempre boa de remarcar. As bolsas que nossas avòs usaram, nòs também usamos agora. O apelo é outro. E eu adoro essa franja enterrada nos òculos... Um ar de mistério numa produção banal...









Volto ao assunto das bolsas. Ela està òtima de shorts e bolsa que nossas antepassadas amariam usar, ou usaram... Li uma matéria de uma jornalista francesa onde ela condena o uso de shorts para quem tem mais de 25. Meu bem, é uma questão de pernas e sò...Na minha avaliação elas tem que ser longas e finas...










E por essa rua que Willy Mayxwald levou pela primeira vez as modelos a serem fotografadas na moda, hoje muita moda misteriosa. Desconfiei: a bela transeunte com camiseta singela, bolsa branca e unhas vermelhas enormes estava com uma peruca....










Sim ou não? Para mim estava... Desconfio também que ela sai do Crazy Horse, casa de espetàculos strip-chic que até Dita von Teese jà se apresentou e faz um suspense quando não està là. Imaginação? Pode ser... Mas o Crazy fica hà 200 metros de onde tirei a foto. É do lado da loja Balenciaga na avenue George V e em frente a Givenchy...







E se ela usa peruca e està linda assim mesmo, ele faz um misto de homem-animal. Humor perceptìvel e adoràvel...









Àvida por imagens clico tudo. Sandàlias metàlicas para aliviar um pouco a hegemonia das sapatilhas, em dias quentes onde as chuvas de verão dão uma folga...







Para finalizar e comprovar: preto e prata simples, delicado, bonito, feminino e o que mais? Usa para ver. É tipo uniforme, a gente não quer saber de mais nada. Sò da legging quando dà uma esfriada. Vou ao salão agora, mas não fazer o corte para fazer parte da côrte de Vicktoria Beckham. Anos 90? Jà vivi!!!!Quero século 21...Sempre para frente e mais... Sem esquecer do que foi bom, òbvio, que não sou boba e nem nada... Bisous A+.

2 comentários:

Gisele Muller disse...

Ana adoro as bolsas das "vovós" entre outra coisitas mas que retornaram. Quanto ao short, apesar da baixa estátura,adoro short e uso sem medo. Abuso do saltão pra compensar, acho que ganho alguns centimetros de pernas assim. Preto com cinza é tudo. Amo.
Bjs

Samuel disse...

Ana só agora consegui sentar na frente do "computer" para comentar o lindo post, hj corri o dia todo!! Sabes bem que adoro quando coloca fotos antigas e quando fala de tempos nostálgicos!! Conheço muito pouco de Willy Maywald, sei algumas informações que ele foi responsável pela imagem da maison nesse período inclusive lhe faço uma pergunta: é dele a célebre foto do "Tailleur Bar" da Ligne Corolle de Dior??? Sei tb que tinha seu estúdio na Montparnasse e foi um grande amigo de figuras do calibre de Picasso, Chagall, Miró, Calder, Léger entre outros vultos das artes. Trabalhou com o exigente Dior e foi um dos poucos que o fotografou!! Ele usava as ruas como cenário e, seu não me engano, li em alguma revista de moda que suas fotografias inspiraram o filme Funny Face-1957-(Cinderela em Paris)com Audrey Hepburn, realmente no filme ela aparece posando em vários lugares de Paris!!(adoro o vermelho com o véu!!), Olhando as fotos que vc fez nas ruas de Paris, "pensei com meus botões", se Maywald estivesse vivo já teria uma pupila para fotografar as tardes fagueiras da cidade luz!!rsrsrs! "Close no Beijo!!" SSSMMMAAAC!!

LinkWithin

Posts relacionados