MODA PARIS: de Dior, passando por Givenchy, Louis Vuitton para chegar em Comme des Garçons...Quem cria mais tendência?


E as nossas tendências continuam...Dior na mão de Galliano sempre vai apontar um estilo ou mais, na verdade todas as coleções apresentam vários desdobramentos. Vai da gente saber ler...E está ai ele, o velho rock. Uma influência eterna na moda, sempre com uma cara nova, assim como os seventies ele é eterno parceiro dos criadores. Bem usado, nunca ficar over...






E o slim hein????Esse não vai sair da lista, pelo menos por enquanto. Já que o desejo aponta para uma vontade geral de ser magra, os ditadores de tendência já entenderam isso e está aí a chique e austera coleção da Givenchy misturando um jeito audacioso de mostrar o corpo unido a uma postura comportada...É sempre bom equilibrar...E é isso que faz Paris ser tão luxuosa e chique...





E a Louis Vuitton afinou mesmo com o desejo que vem das ruas. E assim como o mini, o maxi também há. A calça de veludo rosa (que não é tendência, mas que nunca fica fora se bem utilizado) mostra que o mundo mudou mesmo e que as maisons mais tradicionais querem vender para essa gente alterada e mudada...Gente que tem grana para gastar, mas que não quer fugir de um estilo street-wear...




As botas são sempre moda também. O modelo Dior é a cara do rock. Traz um salto confortável e dá aquele toque de poder a qualquer produção simples que, até que nem tão simples assim vai ficar com um acessório desses...







Fica díficil para quem não é apaixonado por moda compreender a Comme des Garçons. A coleção de Rei Kawakubo do inverno homenageia o carnaval de Veneza e coloca várias tendências em uma produção só. É só desdobrar para ver tudo: ouro, manguinhas bufantes, sobreposição, volume, slim, masculino, preciosidade...

Nenhum comentário:

LinkWithin

Posts relacionados