MODA PARIS: Saruel, uma peça que sai do circuito aràbe e invade as grandes grifes...



Pensou que a semana de moda de prêt-à-porter de Paris tivesse somente uma tendência forte? Engano. As calças saruel apareceram em vàrias apresentações desde a "cara" Viviene Westwood que tem e cria sua pròpria moda para seu proprio gueto....



Passando pela Wunderkid bem trabalhada por Joop em uma calça de seda não tão volumosa, mas que fica òtima com salto alto e uma blusa mais sequinha ( aqui uma barriga de fora nada extravagante e apelativa é permitida)....



Percorrendo ainda as criações de Givenchy em vàrios comprimentos do modelo que jà foi moda vàrias vezes e que ano passado chegou a ser editado em jeans, mas que agora ganha versões mais sofisticadas ( sim porque em jeans é uma moda não muito confortàvel). Atenção: somente permitido para as magras de pernas longas....




Oui! Louis Vuitton também visitou a tendência...Não dà para ignorar que a influência aràbe é cultural e atàvica nos nossos criadores...



Jean Paul Gaultier fez para Hermés uma propria versão do saruel. Mais para pantalona, mas com uma referência ligeira na peça...



Ao ver e rever as coleções a gente começa a enxergar de outra forma o trabalho de cada uma delas. Resultado: quanto look legal na Balmain...Christophe Decarnin acertou a mão e està na mesma onda coletiva de seus concorrentes ou colegas criadores...



Ok a Yves Saint Laurent perdeu um pouco o frescor...Mas Stefano Pilati tem là seus bons momentos ao substituir monsieur Laurent na direção artistica de uma grife que faz parte da història da moda do século 20 ao lado de Dior, Chanel, Balenciaga, Balmain e tantos outros que ainda tentam manter pulsando a vibração do glamour vivido no passado...

Nenhum comentário:

LinkWithin

Posts relacionados