MODA MILANO: Gucci, Anna Molinari e Alberta Ferreti fazem suas apostas para 2007





E hà quem diga que a Gucci nunca mais serà a mesma depois da saìda de Tom Ford. Uma época de ouro para a grife que agora sob a direção artistica de Frida Gianini se bate um pouco na hora de montar um show de moda. Tudo bem, mas as cores da coleção parecem meio repetidas, vindas ainda do inverno?






Foi isso que se viu em Milano na apresentação do prêt-a-porter verão 2007. Uma coleção com base nos anos 70, Era Disco, vestidos curtìssimos ( que para muitas vai funcionar como batinha, porque sem a parte de baixo somente as tops e algumas poucas deusas do planeta, a maioria das mortais não fica bem com tão pouco pano) e muitos cortes hexagonais. Sinceramente a coleção é bonita, mas não renova em nada o espìrito que paira sobre a grife. Tom Ford faz falta sim. Mas a direção da Gucci não acha. que està satisfeitissima com a atual fase. Querem acabar com a era dos superstilistas que chamam mais a atenção do que o proprio produto. Uma das miras agora volta a ser o trabalho em couro, tradição da marca italiana. Isso significa centrar fogo na produção de bolsas, essas sim uma aplicação certeira no atual mercado de consumo…




Bem passado esse desabafo, apesar da Gucci estar bonita, vem o comentàrio da Anna Molinari. Uma moda correta, boa de usar. Peças femininas, o bom tomara-que-caia preto, que a gente deve sempre ter e guardar, quando ou, por acaso, a moda resolver coloca-lo na geladeira. Ele sempre volta. E os tons prata na calça sequinha, o look quebrado pela camiseta branca, enfim moda usàvel...real e bem boa.



Ainda na estrada de Molinari os tons bege em absoluta harmonia com uma proposta de verão. A não ser pela Gucci e pela Prada que colocaram cores fortes até agora a gente tem uma predominância de beges e metàlicos...



E a Alberta Ferreti que também faz moda sem muitas invenções colocou muitos vestidos soltinhos com muitos tons claros e um toque de bordeaux. Delìcia de ver. De usar. Afinal não precisa inventar muito para fazer algo que venda e que deixe as mulheres belas. Um estilo meio Olimpo permanceu na passarela com tecidos como o jersey. A opção dos longos também é uma boa, afinal, quem não tem pernas de Sharon Stone, também merece ser lembrada na moda verão...

Crédito das imagens; reprodução Marcio Madeira
Edição das imagens: Ana Clara Garmendia

Um comentário:

roteiros de cinema e vídeo disse...

Está linda a página. Chic!!!!

Saudades muitas
Zé Fernando.

LinkWithin

Posts relacionados